sábado, 2 de maio de 2009

Textos mais do que batidos da net - Parte 1

Esse texto é mais do que batido e deve circular por correntes de e-mails desde o tempo em que o IG era top de linha em matéria de internet, e talvez antes disso ainda, mas, mesmo já tendo passado de caixa em caixa e tendo sido conhecido pela grande maioria dos participantes dessas correntes (os únicos que não leram foram aqueles que não tinha tempo ou paciência), o texto abaixo ainda contém muita verdade, e uma boa dose de bom humor.

Segue:

"Tudo o que sempre necessitei saber, aprendi com a minha mãe:

Minha mãe me ensinou a apreciar um trabalho bem feito:
Se você e seu irmão querem se matar, vão pra fora. Eu acabei de limpar a casa!

Minha mãe me ensinou a ter fé:
É melhor você rezar para essa mancha sair do tapete.

Minha mãe me ensinou a lógica:
Porque eu estou dizendo que é assim, acabou, e ponto final!

Minha mãe me ensinou o que é motivação:
Continua chorando que eu vou te dar uma razão verdadeira para você chorar!

Minha mãe me ensinou sobre genética:
Você é igualzinho ao traste do seu pai!

Minha mãe me ensinou sobre minhas raízes:
Tá pensando que nasceu de família rica é?

Minha mãe me ensinou a contradição:
Fecha a boca e come!

Minha mãe me ensinou a ter força de vontade:
Você vai ficar aí sentado até comer tudo!

Minha mãe me ensinou sobre justiça:
Um dia você terá seus filhos, e eu espero eles sejam iguais a você… aí você vai ver o que é bom.

Minha mãe me ensinou a valorizar um sorriso:
Me responde de novo e eu te arrebento os dentes!

Minha mãe me ensinou a retidão:
Eu te ajeito nem que seja na pancada!



Obrigado(a), mamãe!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário